terça-feira, 13 de maio de 2014

1964




     "1964" é a exposição que abre nesta terça-feira, 13 de maio, no CCBM, mostra integrante do projeto “Maio Cultural”, da Funalfa, com 50 documentos e fotos, principalmente os relacionados com Juiz de Fora.

     O golpe militar, que há 50 anos partiu de Juiz de Fora, deixou marcas como a censura, a violência e a interrupção da democracia na história da cidade e do país.

     “Boa parte da mostra é baseada nas primeiras horas do golpe de 31 de março, com alguns antecedentes e alguns consequentes. Mostramos, por exemplo, jornais e programas de rádio da imprensa local, que foram censurados”, contou o jornalista Wilson Cid, que, junto com a historiadora Eridan Leão e a produtora cultural Fernanda Lauro, trabalhou na pesquisa do material.

      A exposição é uma reunião de coleções diversas, acervos particulares, documentos do Arquivo Histórico Municipal de Juiz de Fora e da Funalfa. Grande parte do material fotográfico pertence ao acervo de Jorge Couri, fotógrafo do extinto “Diário Mercantil”.


------------------------------
1964
Na Galeria Arlindo Daibert do CCBM
De 13 de maio até 1 de junho
Terça a sexta-feira, de 9 às 21h. Sábados e domingos de 10 às 16h 
Avenida Getúlio Vargas, 200 - Centro 3690-7051 / 3690-7052